Último dia em San Blás na ilha Dupir

Choveu bastante a noite mas o nosso último dia em San Blás amanheceu sem chuva, nublado mas com um solzinho tímido querendo sair, que foi se firmando ao longo do dia, mesmo com nuvens ameaçadoras.

O dia começou assim, nublado, mas o sol já estava saindo

O dia começou assim, nublado, mas o sol já estava saindo

Nosso café-da-manhã hoje teve panquecas americanas bem grossas, com maple syrup e tudo. Claro que as crianças amaram. Serviram um suco chamado amarillo que dividiu opiniões: Gabe e Eric gostaram, eu e a Julia detestamos! Quando terminamos de comer, vimos uma canoa chegando trazendo muitos peixes, que seriam o nosso almoço mais tarde.

O suco que dividiu opiniões: amarillo

O suco que dividiu opiniões: amarillo

Panqueca com maple syrup pro café do último dia no Yandup Lodge

Panqueca com maple syrup pro café do último dia no Yandup Lodge

Os peixes chegando fresquinhos

Os peixes chegando fresquinhos

Um dos funcionários do hotel veio falar com a gente sobre o passeio de hoje – eles estavam levando um grupo pra Ilha Iguana, mas disse que o mar estava forte e perguntou se a gente preferia ir na ilha Dupir com as crianças, porque era mais perto e não ia ter tantas ondas pelo caminho. Como eu já tinha perguntado se a gente não ia mesmo na ilha Dupir (as três ilhas estavam na programação descrita em um fichário que fica dentro da cabana), achei ótimo e topei na hora. Um outro casal espanhol que estava na ilha há vários dias também quis ir na ilha Dupir, pois ainda não tinham ido, e quando estávamos saindo o casal brasileiro que estava lá também há vários dias resolveu ir também (todo mundo a fim de conhecer uma ilha nova). Aliás, essa é uma “desvantagem” se você fica no Yandup Lodge por vários dias, você vai repetir as ilhas várias vezes – o que é bom porque dá a chance pra pegar um dia de sol numa das ilhas, mas se você fica muito tempo pode cansar também. A opção é pagar extra pra combinar um tour pra uma ilha diferente, mas não chegamos a fazer isso e acabei não perguntando quanto eles cobram, vou tentar descobrir.

Esperando a hora de ir pra ilha Dupir na prainha do Yandup

Esperando a hora de ir pra ilha Dupir na prainha do Yandup

Olhem que dia lindo agora

Olhem que dia lindo agora

Eric brincando com as ondinhas

Eric brincando com as ondinhas

A ilha Dupir é bem perto, entre o Yandup Lodge e o hotel Sapibenega, e é a menor das ilhas que visitamos. Bonita também, mas menos do que a ilha Iguana ou a ilha Arridup, então já vi porque o pessoal do hotel acaba deixando essa ilha de lado e indo só nas outras duas, que são mais impressionantes. Mas pra gente estava tudo ótimo, adoramos conhecer mais uma ilha e tivemos mais tempo ali porque levamos menos tempo indo e vindo de barco. Achamos que nessa ilha tinha mais lixo no fundo do mar do que nas outras, e o mergulho não é tão interessante. A praia, porém, estava ótima e aproveitamos com as crianças na água, batendo papo com o casal de brasileiros bem simpático que tinha passado a semana anterior na Costa Rica e adoraram (fazendo turismo de aventura ao redor do vulcão Arenal).

Chegando a ilha Dupir em San Blás, passamos por ela todos os dias

Chegando a ilha Dupir em San Blás, passamos por ela todos os dias

De um lado o céu estava assim, lindo

De um lado o céu estava assim, lindo

É Julia, também acho essa água tudo de bom :-)

É Julia, também acho essa água tudo de bom :-)

O hotel Sapibenega, pertinho, e o lado das nuvens

O hotel Sapibenega, pertinho, e o lado das nuvens

Mais uma praia linda pra coleção de San Blás

Mais uma praia linda pra coleção de San Blás



Julia aprendendo a usar o snorkel

Julia aprendendo a usar o snorkel

Deu mais ou menos certo ;-)

Deu mais ou menos certo ;-)

Eu e Eric curtindo o último dia em San Blás

Eu e Eric curtindo o último dia em San Blás

Vou sentir saudade dessa água

Vou sentir saudade dessa água

Ninguém queria sair da água hoje

Ninguém queria sair da água hoje

Céu e mar dignos da nossa  despedida de San Blás

Céu e mar dignos da nossa despedida de San Blás

Julia é uma peixinha, nadando na Ilha Dupir

Julia é uma peixinha, nadando na Ilha Dupir

Pausa para a água e um lanchinho

Pausa para a água e um lanchinho

Foto de família na ilha Dupir em San Blás

Foto de família na ilha Dupir em San Blás

Foto cartão-postal da ilha Dupir, San Blás

Foto cartão-postal da ilha Dupir, San Blás

Julia e Eric fazendo pose

Julia e Eric fazendo pose

Mesmo com as nuvens nubladas a praia é lindinha

Mesmo com as nuvens nubladas a praia é lindinha

Uma canoa, coqueiros, céu azul, marzão atrás, não precisa de mais nada

Uma canoa, coqueiros, céu azul, marzão atrás, não precisa de mais nada

Julia correndo pro abraço (tentou me derrubar)

Julia correndo pro abraço (tentou me derrubar)

Eric em momento cartão-postal na ilha Dupir

Eric em momento cartão-postal na ilha Dupir

Peguei o pelicano no momento do mergulho

Peguei o pelicano no momento do mergulho

Voltando para a ilha Yandup

Voltando para a ilha Yandup

Voltamos pro Yandup Lodge pra almoçar, lá estavam os peixinhos da manhã nos esperando, inteiros. Estava muito bom, só foi difícil lidar com as espinhas, mas me entendi com o peixe. Pras crianças eles trouxeram filé de peixe, ainda bem, porque já me deu um trabalhão me virar com o meu peixe quanto mais dois pras crianças. Quando estava saindo do restaurante fui perguntar sobre as duas bandeiras na parede que eu não conhecia, e o Blanco, que é um dos funcionários que fala mais, deu uma super explicação sobre elas – são as bandeiras Kuna, a antiga e a nova. Primeiro a antiga: vermelho para o sangue derramado na revolução Kuna que conseguiu a autonomia do Panamá, amarelo para o ouro que existia em Kuna Yala. O símbolo ele explicou muito mal, acho que nem ele sabe direito qual é a história. A bandeira nova trocou uma faixa vermelha por outra verde, representando as florestas da região. O símbolo mudou para 8 estrelas dos oito chefes Kuna e os 8 irmãos na cultura deles: o vento, o sol, a lua, o mar, a floresta, mas não me lembro dos outros e não consegui achar na internet nenhuma referência :-(

Trocando de roupa e apreciando a vista antes do almoço

Trocando de roupa e apreciando a vista antes do almoço

Sopa do dia

Sopa do dia

O peixe que vimos mais cedo e os patacones, banana frita

O peixe que vimos mais cedo e os patacones, banana frita

Filé de peixe para as crianças

Filé de peixe para as crianças

Melancia de sobremesa

Melancia de sobremesa

As duas bandeiras Kuna, antiga e a nova (direita)

As duas bandeiras Kuna, antiga e a nova (direita)

Depois do almoço comecei a arrumar as malas, aproveitando a luz do dia, e não fomos no passeio ao cemitério Kuna. Eu até estava a fim de fazer o passeio, mas fiquei na dúvida se seria uma boa para as crianças, e como a cabana tem luz fraca a noite, eu quis aproveitar a luz do dia pra deixar tudo arrumado já que sairíamos antes das 6 da manhã no dia seguinte pro aeroporto. As crianças passaram a tarde assistindo desenhos no iPad e correndo pelo gramado ou pela varanda da cabana.

Última foto da nossa cabana no Yandup Lodge

Última foto da nossa cabana no Yandup Lodge

Panorama da vista da nossa varanda

Panorama da vista da nossa varanda

Julia assistindo desenhos no iPad

Julia assistindo desenhos no iPad

Dia lindo se despedindo em San Blás

Dia lindo se despedindo em San Blás

O jantar foi o mesmo prato de siri que comi no primeiro dia, com um toque de curry, e o das crianças foi um bife que estava bem sem graça, uma carne super dura, mas sei que carne para eles é coisa totalmente fora do normal (vem lá da Cidade do Panamá). Novamente a saladinha de entrada estava com vinagre e não consegui comer, mas foi burrice minha não ter avisado no outro dia pra fazer a minha sem…a sobremesa foi mamão papaia, que nenhum de nós gosta, eu até tentei comer mas não só confirmei que realmente não gosto dessa fruta.

Saladinha do jantar do Yandup Lodge

Saladinha do jantar do Yandup Lodge

O meu prato de siri igual ao do primeiro dia

O meu prato de siri igual ao do primeiro dia

Para o Gabe e as crianças, um bife com os mesmos acompanhamentos do meu prato

Para o Gabe e as crianças, um bife com os mesmos acompanhamentos do meu prato

Mamão papaia de sobremesa

Mamão papaia de sobremesa

Fomos dormir cedo, pra acordar as 5 da manhã no dia seguinte pra começar a nossa jornada de volta pra casa. Adoramos San Blás, com certeza um lugar lindo e uma experiência diferente de todas que já tivemos!

Veja outros posts dessa viagem:
1o dia: Chegando a San Blás: primeiro dia no Yandup Island Lodge
2o dia: Segundo dia em San Blás: ilha Iguana e manguezais em Kuna Yala
3o dia: Tempestade em San Blás e conhecendo a comunidade Kuna
4o dia: Último dia em San Blás na ilha Dupir
San Blás com crianças: como foi a nossa experiência em Kuna Yala
Viajando pro Panamá com crianças: o meu planejamento

Outros posts como este em: Panamá, Viajando, Viajando com Crianças

{ 5 comments… add one }

  • Liege Frank 06/12/2013, 13:46

    AMEI essa viagem, Lu! Ainda mais agora, que estamos com previsao de mto frio e neve para semana que vem.
    O engracado que vendo essas fotos, me da ate frio so de ver as criancas na agua, de roupa curtinha. Boba, ne?
    :)
    Estamos precisando ir para um lugar gostoso assim. Estamos com passagens compradas para Miami e de la iremos passar uma semana nas Florida Keys. Mas so no fim de Janeiro.

    Um grande abraco para todos voces.

    Responder
  • ingrid Littmann 07/12/2013, 10:27

    Lu, meio estranho essa bandeira de Kuna o que representa essa suastica??? Com certeza não tem relação com o regime nazista mas deixa a gente atordoado num lugar tão sereno e paradisiaco, o que é isso??

    Responder
    • Luciana Misura 07/12/2013, 11:58

      Ingrid, a suástica é um símbolo religioso super antigo, os nazistas que se apropriaram dela e a tornaram infame com suas loucuras…outras culturas das Américas também a utilizavam, como os astecas, imagino que os Kunas tenham mudado o símbolo pra evitar qualquer ligação ou confusão com a suástica nazista. Aqui tem ótimas explicações sobre o símbolo e seus usos em diversas culturas e religiões http://pt.wikipedia.org/wiki/Su%C3%A1stica

      Responder
  • ingrid Littmann 07/12/2013, 12:17

    Lu, eu já sabia disso porém eu gostaria de saber a representação em Kuna. Entretanto mesmo com toda a historia da suastica o que as pessoas mas conhecem é da segunda guerra. Essa será dificil de esquecer, beijos

    quando voces viram? vamo combinar algo se possivel for.

    Responder
  • ingrid Littmann 07/12/2013, 12:20

    meu maridex me explinicou um tiquinho mais sobre, essa suastica como voce pode ver é ao revez. esta suastica, é o original simbolo, beijocas

    Responder

Deixe um comentário

Site Meter